jusbrasil.com.br
23 de Novembro de 2017
    Adicione tópicos

    GAECO deflagra Operação Fantoche em Campo Grande e em cidades do Interior

    GAECO deflagra Operação Fantoche em Campo Grande e em cidades do Interior04/02/2015

    Na manhã desta quarta-feira (04/02/2015), o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado GAECO deflagrou, nas cidades de Campo Grande, Corguinho, Ponta Porã, Bodoquena, Angélica e Aquidauana, a operação policial denominada Fantoche, voltada ao cumprimento de 05 (cinco) mandados de prisão temporária e 14 (quatorze) mandados de busca e apreensão, além do cumprimento de ordem de afastamento de um servidor público de suas funções junto à Fundação de Cultura do Estado de Mato Grosso do Sul.

    A operação é resultado de seis meses de investigação, em apoio à 31ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social de Campo Grande, que teve como objeto apurar fraudes na aprovação de projetos direcionados à obtenção de verbas públicas através do Fundo de Investimentos Culturais do Estado de Mato Grosso do Sul (FIC/MS), entre os anos de 2013 e 2014.

    As buscas estão sendo cumpridas em residências e sedes de pessoas jurídicas suspeitas de aplicação indevida de verbas auferidas através dos convênios do FIC, além da sede da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul.

    Participam da Operação 04 (quatro) Promotores de Justiça e 28 (vinte e oito) Policiais Militares integrantes do GAECO. A busca na sede da Fundação de Cultura está sendo acompanhada por um Representante da Procuradoria do Estado.

    A operação foi denominada Fantoche (teatro de bonecos), em alusão à fraude e manipulação de projetos na área da cultura.

    Fonte: MPMS

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)